Planejamento Estratégico



O primeiro passo de uma ONG que quer trabalhar de forma estruturada e alcançar seus objetivos é se planejar estrategicamente.

O Planejamento estratégico é um processo gerencial que define o direcionamento da organização, o posicionamento da organização no longo prazo. Onde a organização está, onde quer chegar e que passos precisam ser dados para alcançar esta meta.

É um processo complexo, que para ser feito com profundidade requer um estudo profundo da organização.

Para ONGs pequenas que estão iniciando a sua estruturação, desenvolvemos este pequeno guia que pode auxiliar na definição de alguns pontos do Planejamento Estratégico.

Iniciamos com a Missão e Visão: para serem definidas é preciso reunir todas as pessoas que são responsáveis pela gestão da ONG e debater sobre os pontos que colocaremos a seguir.

Missão

"Uma empresa não se define pelo seu nome, estatuto ou produto que faz; ela se define pela sua missão. Somente uma definição clara da missão é razão de existir da organização e torna possíveis, claros e realistas os objetivos da empresa." Peter Drucker

"Definir a missão de uma empresa é difícil, doloroso e arriscado, mas é só assim que se consegue estabelecer políticas, desenvolver estratégias, concentrar recursos e começar a trabalhar. É só assim que uma empresa pode ser administrada, visando um desempenho ótimo." Peter Drucker

A Missão corresponde à razão de ser da organização. É o papel desempenhado pela ONG na sua área de atuação.

A Missão deve responder as seguintes perguntas: O que faz a ONG? Para quem faz? Para que faz? Como faz? Onde faz?

Alguns exemplos podem ajudar na sua definição.

Instituto Ayrton Senna:
"Tendo como fundamento a vida e os ideais de Ayrton Senna, contribuir para a criação de condições e oportunidades para que todas as crianças e todos os adolescentes brasileiros possam desenvolver plenamente o seu potencial como pessoas, cidadãos e futuros profissionais".

Petrobrás:
“Atuar de forma segura e rentável, com responsabilidade social e ambiental, nos mercados nacional e internacional, fornecendo produtos e serviços adequados às necessidades dos clientes e contribuindo para o desenvolvimento do Brasil e dos países onde atua”.

Gerdau:
“O Grupo Gerdau é uma empresa com foco em siderurgia, que busca satisfazer as necessidades dos clientes e criar valor para os acionistas, comprometida com a realização das pessoas e com o desenvolvimento sustentado da sociedade”.

Visão

A Visão de uma organização exprime o que esta ambiciona ser no futuro. Descreve o que a organização quer realizar objetivamente nos próximos anos da sua existência, normalmente, de longo prazo, pelo menos, 5 anos.

A Visão deve responder às seguintes questões: O que a ONG quer ser dentro de 5 a 10 anos? Para quem trabalhará?

A Visão deve ser inspiradora, clara, concisa, coerente com a Missão, de modo a que todos a compreendam e sintam. Outro ponto a destacar é a importância de a Visão ser suficientemente desafiadora e, ao mesmo tempo, atingível, a ponto de motivar todos os voluntários.

Alguns exemplos podem ajudar na sua definição.

Petrobrás Visão 2020:
“Seremos uma das cinco maiores empresas integradas de energia do mundo e a preferida pelos nossos públicos de interesse”.

Gerdau:
“Ser uma empresa siderúrgica global, entre as mais rentáveis do setor”.

Agora, reúna as pessoas responsáveis pela ONG e definam a Missão e a Visão. Após esta definição, divulguem entre os voluntários para que todos trabalhem com um mesmo objetivo e para chegar a um mesmo destino.


Metas

Após trabalhar os conceitos de Missão e Visão, é importante a ONG definir as metas para o ano, que idealmente devem ser estabelecidas entre os meses de outubro e novembro.

As metas servem para definir estratégias de ação que levarão a realização da missão e da visão.

Precisam ser concretas, desafiadoras e realizáveis, de forma que os colaboradores se sintam motivados a trabalhar para alcançá-las.

Alguns exemplos de metas estratégicas:

- Atender em 2008 30% a mais de beneficiários diretos.

- Ampliar os cursos oferecidos atendendo também crianças de 4 a 12 anos.

- Aumentar o valor total de contribuições em 50%.

- Desenvolver parcerias com 5 hospitais da região.

O número total de metas a ser definida depende de cada ONG, mas não deve passar de 10 considerando as metas mais estratégicas, depois cada setor pode definir suas próprias metas.

As metas devem ser concretizadas através de ações especificas que serão realizadas ao longo do ano. As ações precisam ser planejadas e ter responsáveis e prazos concretos. Somente definir as metas quer dizer não realizá-las.

Por exemplo, para desenvolver parcerias com 5 hospitais da região as seguintes ações devem ser realizadas:
- Identificar os possíveis hospitais para o desenvolvimento das parcerias (Responsável: Patricia – Prazo: até 30/04/08)
- Preparar material para apresentação do projeto nos hospitais (Responsável: Pedro – Prazo: até 30/04/08)
- Agendar e realizar reuniões nos hospitais (Responsável: Patricia – Prazo: até 30/05/08)

Defina as suas metas em conjunto com a equipe gestora da ONG e depois divulgue para todos os colaboradores.